/ Sustentabilidade

O agricultor Yacouba Sawadogo transformou as paisagens da região onde mora, entre o deserto do Saara e a Savana Sudanesa: através da técnica ZAi, um antigo método que consiste em cavar o solo e preencher parcialmente os buracos com adubo, sementes e água durante os períodos de chuva, mais de três milhões de hectares de solo desértico foram convertidos, gratificando oito países do Sahel com terras férteis.

agricultor14

Em 1974 uma grande seca atingiu aquela região, dificultando as condições de vida. Muitos moradores abandonaram o local mas Yacouba decidiu ficar e implantar o método tradicional. Hoje, ele percorre de moto outras regiões da África e ensina outros povos a aplicar a técnica ZAi. Veja o documentário:

[youtube width=”520″ height=”444″]http://www.youtube.com/watch?v=wezxNnkcsW8[/youtube]

 

Iniciativas que adoramos ver por aí: na cidade de Itaperuna (RJ), para cada criança que nasce, uma árvore da flora brasileira é plantada.

arvore-crianca

No momento da inscrição do pré-natal da gestante, durante o Teste do Pezinho ou na sala de vacinação, os pais podem assinar um termo de adesão da iniciativa. O plantio fica por conta dos técnicos da prefeitura e a família recebe um certificado com o nome da criança, data de nascimento, nomes popular e científico da árvore e sua localização.

Na verdade, queremos que a geração dessas crianças tenha mais sensibilidade quanto à proteção do meio ambiente, desde o seu nascimento, despertando a afinidade e o cuidado com as árvores e a natureza“, afirmou Alair Ignácio, Secretário do Meio Ambiente, em entrevista ao G1. Têm iniciativas semelhantes as cidades de Clevelândia (PR), Diamantina (MG), Guarapari (ES), Ituverava (SP), Passos (MG), Penápolis (SP), São Caetano do Sul (SO), São José do Rio Preto (SP), Sorocaba (SP), Tramandaí (RS) e Nossa Senhora dos Remédios (MG).  (via Hypeness)

Que tal transformarmos essa iniciativa em tradição sem depender do apoio do poder público? ♣

25 de junho 2015

A paixão pelo design orgânico fez com que a americana Elora Hardy trocasse a carreira de sucesso em Nova Iorque pelas florestas de Bali. É lá que ela fundou uma empresa que constrói incríveis casas de bambu.

casas de bambu beagle brand blog (1)

casas de bambu beagle brand blog (2)

casas de bambu beagle brand blog (3)

casas de bambu beagle brand blog (4)

casas de bambu beagle brand blog (5)

casas de bambu beagle brand blog (6)

“Natural e renovável, uma moita de bambu produz colmos anualmente e seu corte não elimina a produção, como no corte de uma árvore. Seu cultivo e uso reduz a pressão sobre as matas nativas. Quando devidamente tratado, pode ter a mesma durabilidade da madeira normalmente usada para construção.” (fonte: EcovilanaMontanha)

A artista Veronika Richterová utiliza garrafas PET como matéria-prima para a produção de diversas obras que parecem formar um zoológico sustentável: jacarés, macacos, sapos e até tamanduás enfeitam jardins e outros espaços e nos levam a pensar sobre a importância da reciclagem. Segundo pesquisas, cada garrafa PET leva cerca de cem anos para se desintegrar, portanto a reutilização é fundamental.

pet design animais veronika richterova beagle brand blog (2)

pet design animais veronika richterova beagle brand blog (3)

pet design animais veronika richterova beagle brand blog (4)

pet design animais veronika richterova beagle brand blog (5)

pet design animais veronika richterova beagle brand blog (6)

pet design animais veronika richterova beagle brand blog (7)

pet design animais veronika richterova beagle brand blog (1)

pet design animais veronika richterova beagle brand blog (9)

pet design animais veronika richterova beagle brand blog (8)

Veronika também escreveu um artigo sobre o PET que discorre sobre a sua composição, utilização, reaproveitamento e diversas maneiras de aderir ao PET design, clique aqui e confira (em inglês).

Sustentabilidade é a chave para a saúde do nosso planeta e a consciência ambiental deve ser incentivada desde a infância. Foi pensando nisso que uma editora argentina lançou o livro Meu Pai Estava na Selva, produzido com tintas ecológicas e papel reciclado com sementes de jacarandá, uma árvore ameaçada de extinção, principalmente na Argentina. 

livro arvore (1)

livro arvore (2)

livro arvore (3)

livro arvore (4)

livro arvore (5)

Quando a criança termina de ler o livro, ela pode plantá-lo e ver o crescimento de uma nova árvore, devolvendo à natureza o que dela foi retirado. Assista ao vídeo e saiba mais sobre o projeto: [vimeo width=”520″ height=”400″]http://vimeo.com/126261049[/vimeo]

21 de janeiro 2015

A utilização de containers na arquitetura é uma forte aliada da sustentabilidade, pois ajuda a reduzir o impacto ambiental. O Tetris Hostel, localizado em Foz do Iguaçu, é o maior hostel construído com containers marítimos do mundo e ainda foi desenvolvido com base nos 3R’s da sustentabilidade: reduzir, reutilizar, reciclar.

tetris hostel beagle brand blog sustentabilidade  (2)

tetris hostel beagle brand blog sustentabilidade  (6)

tetris hostel beagle brand blog sustentabilidade  (5)

tetris hostel beagle brand blog sustentabilidade  (7)

tetris hostel beagle brand blog sustentabilidade  (10)

tetris hostel beagle brand blog sustentabilidade  (3)

tetris hostel beagle brand blog sustentabilidade  (1)

tetris hostel beagle brand blog sustentabilidade  (4)

O local acomoda até 70 pessoas e é composto por quinze containers, com quartos privativos ou compartilhados, cozinha compartilhada, lounge, piscina, varanda, jardim interno, bar, estacionamento gratuito e um deck e dois amplos terraços. Captação da água da chuva, aquecimento solar e telhado verde são alguns dos recursos eco friendly utilizados pelo estabelecimento. Vale a visita (virtual e real): www.tetrishostel.com.br

29 de dezembro 2014

Uma bela interação entre natureza e tecnologia: a cidade de Milão, na Itália, é a sede da primeira floresta vertical do planeta: são dois edifícios de 26 e 18 andares que abrigam  mais de 900 árvores, 4 mil arbustos e 15 mil espécies de vegetação rasteira.

floresta vertical beagle brand (2)

florestavertical beagle brand

floresta vertical beagle brand (1)

O projeto leva a assinatura de um escritório de arquitetura local e também conta com sistemas de reciclagem de água e irrigação e painéis solares fotovoltáticos. A vegetação presente nos edifícios  ajuda a filtrar a poeira, absorve o dióxido de carbono, produz oxigênio e protege os moradores da radiação e da poluição.

13 de novembro 2014

As tradicionais cabines telefônicas de Londres são um símbolo da cidade e acabam de ganhar uma nova roupagem, em prol da sustentabilidade: as versões verdes tem placas solares que recarregam gadgets.

solar box londres beagle brand (1)

solar box londres beagle brand (2)

solar box londres beagle brand (1)

As cabines telefônicas estão em crescente desuso devido aos smartphones e este projeto de Kirsty Kennedy e Harold Craston, chamado de Solar Box, oferece uma nova função para esse clássico londrino, com energia limpa e gratuita. Torcemos para que essa iniciativa se espalhe pelo mundo!

30 de outubro 2014

Na maioria das grandes cidades, a arquitetura está se consolidando cada vez mais no caminho orgânico, respeitando e enfatizando a natureza no ambiente. Prova disso é o novo projeto para um parque à beira da maior queda natural do Rio Mississipi, em Minneapolis.

parque rio mississipi (1)

parque rio mississipi (2)

parque rio mississipi (3)

 

O Rio Mississipi é uma força natural com grande importância história para os Estados Unidos e um dos objetivos deste projeto é facilitar a integração da população com a paisagem.

06 de outubro 2014

Boa notícia para os fãs de vegetais orgânicos: uma horta inteligente que cabe em qualquer cantinho e só precisa ser regada a cada quinze dias.

O projeto, que já está em fase de produção no Brasil, é da empresa Noocity e utiliza um sistema de subirrigação que economiza até 80% de água.

[youtube width=”520″ height=”444″]http://www.youtube.com/watch?v=ijrmp-yDccM[/youtube]

A Noocity é uma empresa focada no conceito de ecologia urbana e pretende adaptar a horta para escolas, restaurantes e hotéis, ampliando o nosso acesso aos alimentos orgânicos. Para saber mais, clique aqui.