02 de abril 2014
Ao longo da Rota 66 estão localizadas as Cavernas do Grand Canyon, grandes cavernas a cerca de 300 metros abaixo da superfície.
A  formação das cavernas do Grand Canyon começou há 345 milhões anos atrás, no fundo de um antigo mar – no Período Mississipiano de tempo geológico. Todo o sudoeste dos EUA era coberto pelo oceano, com animais marinhos minúsculos que tiveram suas suas conchas e esqueletos transformadas numa lama de calcário que se tornou a pedra base das cavernas . Mais tarde , as forças nas profundezas da terra , tais como erupções vulcânicas e terremotos , fizeram com que o fundo do mar subisse vários milhares de metros, tornando-se os picos das montanhas de hoje, que alcançam mais de 5.000 metros acima do nível do mar.
Os aventureiros que planejam conhecer o cenário da campanha Outono/Inverno 14 da Beagle devem incluir no roteiro uma parada para conhecer estas cavernas – a única maneira de explorá-las é com um guia e através do uso de um elevador, que leva você 210 pés abaixo da superfície da terra (um edifício de 21 andares). Saiba mais no site oficial: GCCaverns.


01 comentário | Adicione o seu »

  1. […] de sete anos de exploração, uma série de novas cavernas próximas as já existentes do Grand Canyon foram descobertas e divulgadas neste mês. Essas novas cavernas nunca foram vistas por olhos […]

Comentar